Reflexões

Carta ao Leitor: Belo Monte da tristeza

É triste que ainda hoje em nosso país existam pessoas que pensem e aprovem um empreendimento como a Hidrelétrica de Belo Monte. Pior, que chamem isso de Progresso, Crescimento. O Brasil é autônomo politicamente, mas o povo é escravizado no pensamento provinciano de destruir para desenvolver, copiando o modelo de séculos atrás dos países que hoje são grandes potências, mas que para sobreviverem nesta condição dominante precisam sufocar outras nações obtendo aquilo que fomenta sua sociedade.

Mais triste é saber que precisa vir ao Brasil um americano, diretor de uma das maiores indústrias de manipulação dos Estados Unidos, para protestar sobre um assunto interno de nosso país, mas que tem reflexo no mundo inteiro, a Amazônia. Por situações como essa que em nossa História, desde a Independência, não temos heróis nacionais. Até isso importamos, pois, é difícil um brasileiro se manifestar sobre qualquer outro assunto que não seja futebol. Se assistimos a um vídeo de um político com dinheiro na cueca nos revoltamos em nossa casa e… pronto! Se nosso time de futebol rebaixa, ou se a seleção perde a Copa, milhares de pessoas vão aos aeroportos protestar, porque afinal de contas isso é uma grande palhaçada! Enquanto povo não sabemos valorizar aquilo que nosso país tem de mais grandioso. Nossas riquezas naturais estão sempre em detrimento da destruição que, por mais que se diga “crescimento econômico” não passa de politicagem para garantir mais 4 anos de mandato.
[…]

Fonte: Mutual

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s